sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Adamina

.
Um nome para quem tem muita personalidade. Estamos falando de Adamina, uma forma rara do nome Adam (Adão), a palavra hebraica para “homem”, podendo ser em última análise derivado do hebraico “Adam”, que significa “ser vermelho”, em alusão a cor avermelhada da pele humana, ou de “Adamu” (acadiano), que significa “para fazer”.

De acordo com Gênesis, no Velho Testamento, Adão foi criado a partir da terra por Deus (há um jogo de palavras com a palavra hebraica “adamah’, que quer dizer “Terra”), sendo que ele e Eva seriam os primeiros humanos.

Adamina (adamite ou adamita) é um mineral, assim designado em homenagem a Gilbert-Joseph Adam (1795-1881), um mineralogista francês.

É bastante surpreendente que Adão tenha uma variação feminina, acho que a grande maioria das pessoas não espera isso. Até mesmo o significado “homem” não colabora. Algumas pessoas podem ter a impressão de se tratar de “forçar a barra” transliterando um nome tão demarcadamente histórico como Adão para o feminino. Na minha opinião é bobagem: o nome Eva foi transliterado para o feminino inúmeras vezes em vários idiomas e ninguém considerou forçado.

O primeiro pensamento quando se depara com esse nome é “Oh, que nome estranho”, mas com o tempo, é fácil de gostar. Há tantos nomes (até cansativos) com a terminação “Ina” que são adorados pelas pessoas, por que não considerar Adamina?


Embora possa causar inicialmente esses sentimentos mistos, pode ser muito interessante e original. Soa exótico e elegante, o que faz automaticamente associá-lo a mulheres guerreiras. Pensando assim, Adamina parece ser uma ótima alternativa. 



By




.