quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Uirá

.

Uirá é uma palavra em tupi guarani (Uirá/gûyrá) que significa “pássaro”, portanto, um nome indígena muito interessante, com sonoridade exótica e um bonito significado. Pressupõe-se que Uirá seja um nome predominantemente masculino.

Provavelmente esse nome tenha ficado mais conhecido a partir do filme “Uirá, um índio em busca de Deus”, de 1974. Esse filme brasileiro de gênero aventura e drama, foi dirigido por Gustavo Dahl e baseado em um livro de Darcy Ribeiro. O filme foca na trajetória de um índio Urubu-Kaapor, chamado Uirá, na busca pela “terra sem males”. A aventura começa após a morte do seu primogênito, quando ele e sua família decidem sair em busca de Maíra, o herói criador nas cultuas Tupi. Nessa viagem, Uirá atravessa o interior do Maranhão e chega à capital, São Luis. Conforme a sinopse:

O índio Uirá, seguindo os conselhos do pajé, abandona sua aldeia no interior do Maranhão, deprimido e atormentado pela morte de seu primogênito. Ele, sua mulher e seus filhos vão em busca de Maira, o criador do mundo, que vive em algum lugar além dos rios. Na trajetória, uma série de desencontros, acabam por distanciar Uirá de seu objetivo.

Além dessa referência, encontramos um músico chamado Uirá Bueno, que foi um dos componentes do grupo musical “A Turmalina.

No Brasil, há apenas 319 pessoas chamadas Uirá, segundo dados do IBGE (Nomes no Brasil, Censo 2010), sendo que a maioria está concentrada no Distrito Federal. Como a década da maioria dos nascimentos foi 1980, podemos concluir que se trata de inspirações no Filme “Uirá, um índio na busca de Deus”. Uyrá também é o nome de 29 nomes, apesar da grafia diferente, trata-se do mesmo nome, lembrando que como indígenas não possuíam alfabeto, a grafia com y ou “i” é indiferente.

O termo “uirá”, que é a designação geral em tupi para todas as aves, encontra-se na nomeação de várias espécies, como o Uirapuru, que possui inclusive uma lenda indígena muito bonita. Confira:

A lenda do Uirapuru é uma estória que faz parte do folclore da região norte do Brasil, mais especificamente da Amazônia. É uma lenda indígena sobre um pássaro mágico, o uirapuru.

De acordo com a lenda, o pássaro uirapuru tinha sido um jovem guerreiro índio, chamado Quaraçá, pertencente a uma nação indígena da floresta amazônica.

Quaraçá adorava passear pelas matas tocando sua flauta de bambu. Ele era apaixonado por uma bela índia chamada Anahí, que era casada com o cacique da tribo.

Sofrendo muito pelo amor impossível, o jovem índio resolveu entrar no meio da floresta para buscar a ajuda do deus Tupã. Entendendo o sofrimento de Quaraçá, Tupã resolveu transformá-lo num pequeno pássaro colorido (vermelho e amarelo com asas pretas), para assim livrá-lo do sofrimento.

Quaraçá, que ganhou o nome de Uirapuru, voou pela floresta com seu forte e lindo canto. Toda vez que via Anahí, pousava e cantava para a jovem índia, que ficava maravilhada com o som daquele pequeno e lindo pássaro.

O cacique da tribo também ficou encantado com o canto do pássaro e, com o objetivo de aprisioná-lo, se perdeu na floresta e nunca mais voltou. Sozinha, restava a Quaraçá ouvir o canto de seu pássaro favorito. E ao jovem índio, agora transformado em pássaro, restava que a índia amada descobrisse quem ele era para desfazer o encanto.

Entre algumas tribos indígenas da Amazônia, o uirapuru é um pássaro mágico que traz muita sorte. Que vê um uirapuru, durante seu lindo canto, pode fazer um pedido que o pássaro irá realizar.

Fonte: SuaPesquisa







.