quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Aura



Aura é um nome do sexo feminino, que deriva da palavra inglesa “Aura”, derivado do grego via latim, que significa “brisa”, um vento ameno, uma aragem.  Na mitologia grega, Aura era uma deusa menor que personificava a brisa.

Aura também é uma palavra usada para caracterizar um conjunto sutil de elementos que caracterizam a energia de uma pessoa, ou seja, um conceito místico, sendo a Aura um campo energético que envolve um ser vivo. Ambas as significações são bonitas e poéticas, mas penso que em português, pensaríamos logo na segunda opção, no misticismo, na Aura que envolve uma pessoa.

A nível filosófico, a Aura representa uma espécie de halo que rodeia o corpo de uma pessoa. Não é algo aceito por todas as pessoas, por não existirem provas científicas que comprovem a sua existência.

Em sentido figurado, a Aura pode indicar uma energia imaterial que envolve um determinado ser. Neste caso, a Aura pode ser boa ou má, ou pode ter cores. Assim, uma pessoa boa, ou equilibrada emocionalmente, tem uma Aura com cores fortes e vivas. Dependendo da Aura, diferentes sensações podem ser transmitidas a pessoas envolventes. Ex: Quando ele entrou na sala, todos ficaram com medo, porque o ambiente ficou pesado, fruto da sua Aura escura.

Também figurativamente, uma Aura pode se referir a uma admiração ou estima do público em relação a alguém.

Como os místicos afirmam que a Aura pode ter cores e pode revelar o que a pessoa está sentindo ou traços da sua personalidade, seria interessante fazer um jogo de compostos com o nome Aura com algumas cores tidas como “legais”: Aura Rosa, Aura Branca, Aura Clara, por exemplo. Fica hippie e literal, extremamente combinado com uma simbologia interessante, mas sem forçar a barra.

Imagino o nome Aura em uma pessoa elegante, evocativa e mística, e inevitavelmente acabo associando com uma pessoa voltada para talentos artísticos, como dança, poesia ou pintura. Uma Aura para mim, só poderia ser brilhante e carismática.

Nos Estados Unidos, aparece pela última vez em 1901, no tímido 918º lugar. Já tinha conhecido dias melhores dentro do top 5000, por volta de 1881.
No Brasil, é o nome de 2.055 pessoas, a maioria delas nascidas entre as décadas de 40 e 50. É no Rio Grande do Sul o lugar onde o nome Aura é mais frequente, e por outro lado, é quase inexistente no Amazonas. No caso da Arpen/SP de 2015 – lista que abrange só os registros de São Paulo – apenas 1 Aura foi registrada.









.