sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Azazel

inVista consultoria de estilo <3:
.
Azazel é um nome masculino bíblico, que deriva do hebraico antigo. O significado de Azazel não é muito legal: significa “bode expiatório”. Esse foi o nome do destinatário de uma cabra sacrificial no Antigo Testamento. A identidade de Azazel não é clara: ele pode ser de fato o nome do local onde a cabra é posta para ser sacrificada ou pode ser o nome de uma espécie de demônio do deserto.

O nome Azazel é mencionado na Bíblia em Levíticos, eis o trecho:

O Senhor falou com Moisés depois que morreram os dois filhos de Arão, por haverem se aproximado do Senhor.
O Senhor disse a Moisés: "Diga a seu irmão Arão que não entre a toda hora no Lugar Santíssimo, atrás do véu, diante da tampa da arca, para que não morra; pois aparecerei na nuvem, acima da tampa.
"Arão deverá entrar no Lugar Santo com um novilho como oferta pelo pecado e com um carneiro como holocausto.
Ele vestirá a túnica sagrada de linho, com calções também de linho por baixo; porá o cinto de linho na cintura e também o turbante de linho. Essas vestes são sagradas; por isso ele se banhará com água antes de vesti-las.
Receberá da comunidade de Israel dois bodes como oferta pelo pecado e um carneiro como holocausto.
"Arão sacrificará o novilho como oferta pelo seu próprio pecado para fazer propiciação por si mesmo e por sua família.
Depois pegará os dois bodes e os apresentará ao Senhor, à entrada da Tenda do Encontro.
E tirará sortes quanto aos dois bodes: uma para o Senhor e a outra para Azazel.
Arão trará o bode cuja sorte caiu para o Senhor e o sacrificará como oferta pelo pecado.
Mas o bode sobre o qual caiu a sorte para Azazel será apresentado vivo ao Senhor para se fazer propiciação e será enviado para Azazel no deserto.
Levítico 16:1-10

Na verdade, Azazel era o bode expiatório. Uma vez por ano, os sacerdotes ofereciam um bode que deveria ser morto, representando o pecado original. Depois, eles confessavam todos os pecados de Israel e amontoava-os na cabeça do segundo bode, que era enviado para fora das muralhas da cidade, efetivamente removendo os pecados da nação. Acho difícil que Azazel realmente signifique “bode expiatório”, acho mais fácil que esse represente o nome dado ao bode, ou coisa parecida.

É por isso que hoje em dia, quando a gente fala em escolher uma pessoa para levar a culpa por alguma coisa, usa-se a expressão bode expiatório.

Há uma lenda em torno de Azazel, que diz que ele era um anjo que caiu assim como Lúcifer, mas quis obter o perdão de Deus, e portanto a ele foi dada a carga de ter os pecados do homem. No livro apócrifo de Enoque, Azazel é um dos chefes dos anjos caídos, que "ensinou aos homens para fazer espadas e facas, e escudos e couraças, e dado a conhecer-lhes os metais da terra e a arte de trabalhar eles, e pulseiras, ornamentos, e o uso de antimônio, e o embelezamento das pálpebras, e todos os tipos de pedras preciosas, e todas as tinturas para colorir ". (Capítulo 8, versículo 1, tradução livre).

Esse anjo, segundo esse mesmo livro de Enoque, foi um dos anjos que trouxe o grupo dos Grigoris para acasalar com mulheres mortais, criando os Nephilim, sendo que foi por isso que Deus enviou o Dilúvio.

Azazel é um personagem em Supernatural, a série, onde ele é o principal demônio e trabalhou para abrir as portas do inferno para o mundo. É claro que é uma série fictícia com interpretação duvidosa, então eu não me importaria com isso. Azazel parece ser um nome comum entre os livros, filmes e séries que tratam de anjos caídos.

Lendas mitológicas hebraicas à parte – que são levadas bem a sério pelas pessoas hoje em dia, aliás – acho Azazel um nome interessante, mas que pela repetição do som de Z torna-se um pouco duro e áspero em questão de sonoridade. Azazel não tem ocorrências no Nomes no Brasil (Censo 2010, IBGE) nem nas listas da Arpen/SP: é um nome pouco usado no Brasil.


Penso eu que seria ruim de explicar para o religioso que iria realizar o batismo, caso os pais optassem por esse sacramento. 





.