terça-feira, 14 de março de 2017

Benito

Meninos estilosos:
.

Benito é um nome masculino espanhol. Se trata da forma espanhola de Bento ou de Benedito, sendo que na Itália, esse nome também foi bastante difundido no século XIX. Em meados do século XIX o nome se espalhou ainda mais pelos hispano-americanos, dessta vez pela fama de Benito Juárez, considerado por muitos como o fundador do México moderno.

Um exemplo do uso do nome Benito na Itália é o – nada agradável – Benito Mussolini, ditador fascista e aliado de Hitler na 2ª Guerra Mundial. Segundo a Wikipédia italiana, Alessandro Mussolini deu o nome Benito à seu filho em homenagem à Benito Juárez, pela sua influência política progressista. 

Durante o período fascista da Itália, o nome Benito cresceu imensamente em termos de uso pelos italianos, e desde então, Benito virou um nome ligado à memória da história italiana, e não com uma referência muito auspiciosa.

Nos Estados Unidos, o nome Benito aparece pela última vez em 2004, na 982ª posição. Apesar de nunca ter alcançado posições melhores, o nome está presente no ranking norte americano desde os anos 1880. No ano de 2015, nos EUA, Benito não entrou no ranking mas teve 87 registros.

Já no Brasil, Benito é o nome de 2.879 pessoas, segundo o IBGE (Nomes no Brasil, Censo 2010), com destaque para o estado do Mato Grosso do Sul. Existe também uma boa quantidade de homens chamados Benito no Rio Grande do Sul, estado que está em segundo lugar nas taxas de frequência. A maior parte das ocorrências do nome Benito está na década de 30, sendo que nos anos 2000 apenas 101 pessoas receberam esse nome.

Apesar da carga um pouco pesada de Benito Mussolini – que mesmo assim não se compara à carga pesadíssima do nome de Adolf Hitler – esse nome pode voltar a ser usado, na carona do aumento da popularidade de Bento. Uma prova disso é que na lista da Arpen/SP de 2015 já tivemos 6 registros de Benito, nome que há pouco tempo atrás era impensável. Obviamente, na Itália, Benito é considerado equivalente à Adolf Hitler na Alemanha. Porém, vivemos no Brasil, e, pelo menos no que tange a mim, não faço imediata associação ao Mussolini.

Referências:

Benito Archundia, árbitro de futebol mexicano;
Benito Albino Dalser, filho de Benito Mussolini com Ida Dalser;
Benito Feijoo, religioso espanhol;
Benito Juárez, político e advogado mexicano;
Benito Lorenzi, jogador e treinador de futebol italiano;
Benito Mussolini, politico, jornalista e ditador italiano;
Benito Pérez Brito, vice-Rei de Nova Granada;
Benito Pérez Galdós, escritor e dramaturgo espanhol;
Benito Sanz y Forés, cardeal e arcebispo católico espanhol;
Benito Urgu, cantor e comediante italiano. 



.