sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Alvo

.


Alvo é a forma portuguesa de Albus, cognome romano que significa “branco”, em latim. Foi o nome escolhido para funcionar como tradução de Albus Dumbledore, na série de fantastia fantástica “Harry Potter”, da autora britânica J.K Rowling. 

Por isso, sempre que leio ou ouço a palavra ou o nome “Alvo”, imediatamente lembro da cena do bruxo apagando as lâmpadas da rua com o “desiluminador”, ou ainda, da cena dele espantando os inferis com fogo e abrindo uma passagem entre as chamas como se fosse Moisés abrindo a passagem no mar (Adoro HP!!).

No Brasil, tanto nos livros como nos filmes, “Albus Percival Wulfric Brian Dumbledore” acabou ficando com o primeiro nome “Alvo”. Na tradução de Harry Potter e as Relíquias da Morte, esse foi o nome dado ao segundo filho de Harry Potter (Alvo Severo Potter, em português, Albus Severus Potter, em inglês).

Para nós, falantes da língua portuguesa, Alvo é uma palavra literal, sinônimo de “branco”, adjetivo ou qualidade do que é branco, que possui alvura, brancura. Em sentido figurado também está associado a pureza, candura, inocência.

Mas também, um “Alvo” é um ponto de mira para uma arma ou projétil, um objeto em forma de disco, de madeira ou papelão, que serve de objetivo em competições de tiro, por exemplo. Enquanto no sentido figurativo, Alvo é um fim, uma meta a se alcançar.

Geograficamente falando, existe uma localidade nos Estados Unidos chamada Alvo, em Nebraska.

Como nome próprio, já teve seus registros no Brasil, mas agora, anda totalmente desaparecido das listas. Na lista da Arpen/SP de 2015 não há nenhum alvo entre os mais de 15.600 nomes diferentes registrados. Acredito que seja uma boa alternativa nos dias de hoje, sendo incomum e tendo significados notáveis, e para quem gosta de apelidos, há o fofo diminutivo “Alvinho”.

Para quem não tem coragem de usar um nome tão incomum, há a possibilidade de usar como segundo nome em um composto. 



.