quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Aminda




Aminda é um nome em esperanto, e significa “amável”. Lembrando que a língua esperanto é a língua artificial mais falada do mundo, mas mesmo com toda essa legitimidade (é a única língua que está ao lado de várias outras línguas tradicionais no Google Tradutor, por exemplo), não deixa de ser inventada. Foi inventada com um propósito lindo, mas, ainda assim, imaginada.

De qualquer modo, Aminda lembra vários outros nomes. Para começar, é muito parecido com Arminda, que só leva um “r” a mais, mas essa referência não vai ajudar ninguém a gostar de Aminda, afinal, também é um nome considerado velho, ultrapassado e enferrujadinho.

Lembra também o nome (e a palavra) Linda, assim como o nome Melinda, escolhido pelo Michel Teló e pela Thaís Fersoza para sua primeira filha. Há muitos outros nomes terminados com “inda”, mas essa não é uma terminação que está em voga no momento. Precisa coragem e personalidade para usá-la, e Aminda é um exemplo.

Evidentemente, não há nenhum registro de Aminda nas listas disponíveis. Isso qualifica o nome não só como raro ou incomum, mas como absolutamente privilegiado. Seria uma escolha no mínimo, peculiar, e é claro que levaria algumas críticas de pessoas que só conseguem enxergar uma gama muito pequena de nomes para serem usados hoje em dia, o que ocasiona as listas de mais populares que acumulam o maior percentual de nascimentos.

É possível encontrar várias pessoas com esse nome no Google e facebook, mas não encontrei nenhuma referência notável para citar.



.