sábado, 3 de dezembro de 2016

Jonquil & Jonquille

.

Jonquil é uma tonalidade de amarelo, que leva esse nome por causa da cor da flor da planta narcissus jonquila, que possui flores amareladas e perfumadas. Jonquille é a forma francesa de Jonquil (tanto a cor quanto a flor). Aqui no Brasil, o Jonquil ou Jonquille é conhecido comumente como “junquilho” ou ainda, “frésia”, em homenagem à Heinrich Friedrich Theodor Freese, alemão que estudou essas plantas no século XIX.

A flor é nativa do sul da Europa e nordeste da África, mas seu cultivo se espalhou por todo o mundo. O nome “Jonquil ou “Jonquille, traduzido para o português como junquilho, vem do espanhol Junquillo, derivado da palavra em latim “juncus”.

Nenhuma das duas versões é usada como nome próprio no Brasil, por isso, se constitui numa nomenclatura própria rara, incomum e exclusiva. Não há registros nem nas listas recentes tampouco na plataforma “Nomes no Brasil”, do IBGE (Censo 2010). Certamente uma pessoa chamada Jonquil ou Jonquille jamais teria facilidade em encontrar um homônimo.

Apesar das primeiras letras comporem uma sonoridade bem exótica, a terminação –ille é bem apreciada pelos brasileiros, como em Camille, por exemplo.

Jonquil, a princípio, parece um nome masculino, e creio eu, pode ser usado como tal. Entretanto, conhecendo a flor, e sabendo que nomes de flores foram historicamente usados para meninas, é difícil dissocia-lo de um belo rosto de mulher. Já Jonquille é notadamente feminino, e gosto mais dessa variante do que da primeira.

É um nome que, sem dúvida, exige coragem, mas que pode ser uma alternativa para quem busca um nome de flor que fuja do trivial (Rosa, Margarida, etc.). 




.