sábado, 18 de fevereiro de 2017

Odara

.


Odara não é exatamente usado como um nome próprio na cultura de onde vem. É difícil achar informações precisas, então eu fico com a mais confiável: traduzindo automaticamente no Google Translate, Odara redireciona para a língua Iorubá e o significado é “ideal”.

Entretanto, temos várias outras definições circulando na Internet: O Dicionário Informal diz que Odara significa “paz, tranquilidade”, ou ainda, palavra do dialeto africano iorubá, usada no Candomblé que significa “lindo, belo, gostoso”; O Dicionário de Nomes Próprios concorda com a primeira definição, e confirma que Odara significa “paz, tranquilidade”; O Blog “Aruanda” diz que Odara é usado para designar algo ou alguém que é belo, sendo que em ioruba se escreve “O Dara” e significa “É bom!”.

O famoso cantor Caetano Veloso tem uma canção intitulada “Odara”, que já foi regravada por vários outros artistas. Confira:
Odara
Caetano Veloso
 
Deixa eu dançar pro meu corpo ficar Odara
Minha cara minha cuca ficar Odara
Deixa eu cantar que é pro mundo ficar Odara
Pra ficar tudo jóia rara
Qualquer coisa que se sonhara
Canto e danço que dará

A palavra Odara já foi usada também em outras músicas, como por exemplo a música “Tantinho” do artista Carlinhos Brown. Trazemos aqui um trecho do Blog “Pai Mutalengunzo”, que explica o significado de Odara para o Candomblé:

“O que é Odara: Odara significa paz e tranquilidade, um termo de origem da cultura Hindu, Odara também possui uma importância na religião do Candomblé é uma qualidade de exú do tempo, na religião do Candomblé Odara é um exú que significa algo infinito, que não tem começo nem fim, as religiões acreditam como ser o princípio de tudo, o responsável pela criação do homem, existem diversos tipos de exús. Odara é um exú bom, exú guia, que mostra o caminho para as pessoas que vão na frente, um guardião protetor. Odara também traz uma força de energia positiva inexplicável ou seja não é um exú vingativo só apenas protetor, afasta coisas ruins que rodeiam os Terreiros de Candomblé, o protetor das casas, tirando todas as energias negativas, deixando em uma fase boa, quando Odara está transitando caoticamente.

Nomes de exús Odara: Akesan, Lalu, Ibarabo, Yangi, Barangola, Lonan, Ianxu, somente existem estes nomes, de sua qualidade Odara, está destinado a sua proteção, o bem falante e comunicador, através de um jogo ou mesmo sussurrando em seus ouvidos quando algo de ruim vai acontecer, o compadre das encruzilhadas e de outras moradas. Um exú do tempo fica próximo ao portão vigiando a porteira, quem entra e quem sai, não se mistura com os exús dos Terreiros, e não encorporam em pessoas, ele somente é o protetor guardião”.

De acordo com o site “Significados”, Odara é um tipo de exu na Umbanda ou Candomblé, que significa algo infinito, algo sem começo ou fim, é o que na religião acreditam ser o princípio de tudo, o responsável pela criação do homem, e existem diversos tipos de exus. Odara é um exu “do bem”, que é um exu guia, que mostra o caminho para as pessoas. Também significa uma “fase” do exu, ou seja, quando o exu não está transitando caoticamente.

Existe uma marca de joias chamada Odara e no site da grife temos o significado do nome atribuído à marca: “a palavra Odara vem da língua ioruba, “dara” – belo”. Segundo eles, é usada em expressões e cânticos afro-brasileiros, sintetizando a ideia de beleza suprema, qualificando tudo que é bom, positivo e bonito. “Ficar Odara” tem o significado de se enfeitar, se preparar para ficar em boa sintonia espiritual.


Como nome próprio, sabemos, através do IBGE (Nomes no Brasil, Censo 2010), que Odara nomeia 333 pessoas, todas nascidas dos anos 80 aos 2000, com destaque maior para a década de 90, e ocorrência mais acentuada no Rio de Janeiro – onde as religiões de matriz afro-brasileira são mais proeminentes. Na Arpen/SP de 2015, entretanto, foi apenas 3 registros de Odara




.