quinta-feira, 29 de junho de 2017

Nomes na Mitologia Egípcia

.

A mitologia egípcia é a coleção dos mitos do antigo Egito, que descreve as ações dos deuses egípcios como uma forma de compreender o cosmos. As principais fontes de estudo são o Livro das Pirâmides, o Livro dos Sarcófagos e o Livro dos Mortos.
As principais divindades são:



Amon: Esse nome tem muitas versões como Amun, Amen, Ammon, Αμμων (Ammon), a forma grega de Ymn egípcio (reconstruída como Yamanu) que significou "oculto"; No início da mitologia egípcia, ele era um deus do ar, criatividade e fertilidade, que era particularmente reverenciado em Tebas. Mais tarde, durante o Reino Médio, seus atributos foram combinados com os do deus Ra e ele foi adorado como a suprema divindade solar Amon-Ra.

Amon-Rá – combinação entre os deuses Amon e Rá. Durante o Império Médio, os atributos das duas divindades foram fundidos.

Amon-Rá


Anúbis – é a forma portuguesa da forma reconstruída do nome Inpw, em egípcio, reconstruído como Anapa, helenizado como Anoubis. Esse nome possivelmente significava “criança real”. Anúbis era o deus egípcio que conduzia os mortos ao submundo. Ele era muitas vezes retratado como um homem com a cabeça de um chacal.

Osiris – é a forma reconstruída de Asar, que é de significado desconhecido. Na mitologia egípcia, Osíris era o deus dos mortos e o juiz do submundo. Ele foi morto por seu irmão Seth, mas revivido por sua esposa Isis.

Aton – também escrito Atem, significa “disco solar” em egípcio. Aton era um deus egípcio do sol, representado como um disco solar com raios longos que se estendem para baixo. A adoração de Aton foi especialmente extensa durante o reinado do faraó Akhenaton, que proclamou que Aton era o único deus, iniciando um mal sucedido regime monoteísta.

Atum – Significa “conclusão” em egípcio. Esse era o nome de um deus criador egípcio, ele foi o primeiro a ser proeminentemente adorado em Heliópolis durante o Reino Antigo.

Bast ou Bastet – possivelmente significa “fogo, calor”, ou “frasco de pomada”, em egípcio. Na mitologia egípcia Bast era uma deusa dos gatos, da fertilidade e do sol, considerada protetora do Baixo Egito. A forma diminutiva Bastet passou a ser usada quando uma deusa semelhante, Sekhmet, protetora do Alto Egito, se tornou mais importante. Ela era muitas vezes retratada com a cabeça de uma leoa ou um gato doméstico.

Hathor – é a forma grega do termo egípcio Het-Heru, que significa “a casa de Horus”, derivada de hwt (casa) combinada com o Hr, que representa o deus Hórus. Na mitologia egípcia, era uma deusa do amor, muitas vezes retratada com a cabeça de uma vaca.

Horus ou Horos – Forma latinizada de 'Ωρος (Horos), a forma grega do egípcio Hrw (reconstruída como Heru) possivelmente significando "falcão" ou "alto". Na mitologia egípcia, Horus era o deus da luz, muitas vezes retratado como um homem com a cabeça de um falcão. Seu filho Osíris e sua esposa Isis, vingaram seu assassinato ao matar Seth.

Iah – significa “lua” em egípcio. Na mitologia egípcia, esse era o nome de um deus da lua, mais tarde identificado como Thoth.

Ísis


Ísis – Forma grega do egípcio Ist, reconstruído como Iset ou Ueset, que possivelmente significava “o trono”. Na mitologia egípcia Isis era a deusa do céu e da natureza, esposa de Osiris e mãe de Horus. Essa foi a deusa egípcia que mais se espalhou para fora dos domínios do Egito, sendo adorada por muitos outros povos como gregos e romanos.

Neith – Forma grega do egípcio Nit, possivelmente significando “água”. Este era o nome de uma antiga deusa egípcia da tecelagem, caça e guerra. Seu cárater pode ter alguma correspondência com as deusas Tanith, Anat ou Athena.

Nephthys – forma grega de Nebt-Het, que significa “senhora da casa”, derivada dos elementos egípcios ntb (senhora) e hwt (casa). Este era o nome de uma deusa egípcia associada ao ar, à morte e ao luto. Ela era esposa do deus do deserto Seth.

Ptah - Possivelmente significa "abridor" em egípcio. Ptah era um deus egípcio associado com a criação e as artes.

– possivelmente significa “sol” em egípcio. Rá era um deus egípcio do sol muito importante, adorado no baixo Egito. Era geralmente retratado como um homem com a cabeça de um falcão coroado com um disco solar; Em épocas mais recentes seus atributos foram fundidos frequentemente com aqueles de outras deidades, tais como Amon, Atom e Horus.

Seth


Seth – Derivado de Σεθ (Seth), a forma grega do egípcio Swtkh (reconstruída como Sutekh), que possivelmente significa "pilar" ou "deslumbrar". Seth era o deus egípcio do caos e do deserto, o assassino de Osíris. O filho de Orisis, Horus, eventualmente derrota Seth e o tem banido para o deserto.

Thoth - Forma grega do egípcio Djhwty (reconstruída como Djehuti), que é de significado incerto. Na mitologia egípcia Thoth era o deus da lua, ciência, magia, fala e escrita. Ele era muitas vezes retratado como um homem com a cabeça de um ibis.






.