terça-feira, 18 de agosto de 2015

Brienne

.

Brienne é um nome usado por George RR Martin em sua saga “Crônicas de Gelo e Fogo”, e claramente, trata-se de uma pequena alteração de grafia do nome Brianne/Brianna, uma forma feminina de Brian – que inclui também Breanna, Briana, Breana, Bryanna e mais uma infinidade de possibilidades.

Brian é um nome celta de significado incerto. Possivelmente, está relacionado ao elemento “bre”, que significa “monte, montanha”, ou por extensão, “alto, nobre”. Sua popularidade ficou a cargo do lendário rei irlandês Brian Boru, que frustrou a conquista da Irlanda no século XI pelos romanos.

Briana tem se transformado num queridinho dos brasileiros nos últimos tempos, em reflexo a subida meteórica de Brian (e variantes) em todos os rankings disponíveis. Talvez Brienne possa ser uma alternativa válida para quem gosta do nome mas não quer seguir a modinha.

Além disso, a Brienne de Crônicas de Gelo e Fogo é uma personagem interessante: ela é a única filha de Selwyn Tarth, senhor do Solar do Entardecer. Seus três irmãos não sobreviveram à infância. Ela cresceu uma guerreira forte e hábil, que deseja tornar-se um cavaleiro. Considerada estranha pela sua aparência masculina e comportamento não usual para uma mulher daquela época.

Ela é muito honesta e fiel a seus juramentos, leva muito a sério tudo o que promete e não desiste facilmente de seus objetivos.

Em suma, não há nada no personagem literário que desabone o nome, nem na sua conduta como nos desdobramentos da história. E ao mesmo tempo, Brienne é um nome sonoro e levemente familiar, ou seja, parece uma versão francesa de um nome habitual.

Pode ser muito agradável aos ouvidos, principalmente das pessoas que gostam de nomes estrangeiros e que tem uma queda pela literatura contemporânea.


By



.