segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Desiree

.
Desiree é a forma inglesa de Désirée, popularizado no mundo de fala inglesa depois do filme Désirée (1954). Outras variações do nome são Desirae, Deziree (inglês), Désirée (francês), Desiderata (latim romano). Désirée é um nome francês que tem origem a partir do latim Desideratus – Desiderato em português – cuja forma feminina é Desiderata e significa “desejada”.

Na França, Desiré, com apenas um “e” refere-se ao gênero masculino. Ele aparece no ranking da Catalunha (77º lugar em 2003), Itália (102º lugar em 2014), Espanha (86º lugar em 2004), Suíça (95º lugar em 1993) e Estados Unidos (813º lugar em 2015).

No Brasil, segundo o Nomes no Brasil (IBGE, Censo 2010), Desiree é o nome de 2.183 pessoas, com maior frequência de nascimentos no Rio Grande do Sul, com a maioria dos nascimentos na década de 1990. Pela quantidade de nascimentos nos últimos setenta anos, pode-se dizer que Desiree é um nome muito raro.

Em São Paulo, no ano de 2015, foi registrada apenas três meninas chamadas Desiree (sem nenhuma acentuação), somadas à 8 Desirée, 1 Desirê, 1 Desirre, 1 Desireé e 1 Desire. No Brasil, a variante Desirê foi criada no intuito de aportuguesar o nome, sendo que nesse caso, são 1.256 pessoas chamadas assim no Brasil.

O nome marca presença na casa real sueca: uma das filhas do Rei Carl Gustav e da rainha Sílvia chama-se Victória Ingrid Alice Désirée. Ela é a mais velha e herdeira aparente do trono sueco. 

Princesa Victória Ingrid Alice
Désirée, da Suécia.
Desiree tem um certo apelo, acho que a sonoridade corajosa do Z no meio do nome, e além disso ele tem uma tonalidade um pouco “sexy”.


Como referência podemos citar Desiree Rose Marie Scott (Winnipeg, 31 de julho de 1987), uma futebolista canadense que atua como meio-campista, medalhista olímpica.



.