sábado, 25 de março de 2017

Bethel



Bethel é um nome feminino de origem bíblica. O nome é derivado do hebraico antigo, e servia para nomear um lugar citado no Antigo Testamento, cujo significado possivelmente é “Casa de Deus”. Apesar de ser feminino em maioria, acho que esse nome pode ser considerado unissex, uma vez que era um nome de lugar e que não tem conotação própria feminina, além disso, possui semelhança com vários nomes masculinos terminados em –el.

Este foi um lugar ao norte da cidade de Jerusalém, onde Jacó teve sua visão da escada. Bethel é ocasionalmente usado como nome próprio. Na Bíblia, também é escrito por vezes como Beth El ou Beth-El.

Betel ou Bet El, na atualidade, é uma cidade nova localizada 20 km ao norte de Jerusalém, que pouco conserva dos tempos bíblicos. Em seus arredores, concretamente em Hai, pode-se ver, com um pouco de imaginação, restos de uma cidade cananéia.

Betel, ou "Casa de Deus", é a designação usada entre as Testemunhas de Jeová para se referirem a todos os edifícios ou conjunto de edifícios administrativos, complexos gráficos, fazendas e edifícios residenciais para os seus trabalhadores permanentes.

Nos Estados Unidos, ele aparece pela última vez no top 1000 no ano de 1940, no 989º lugar. Na década de 1890 aparece também como nome masculino.

Para quem gosta do significado religioso, do sentido bíblico do nome e também das conexões religiosas que Bethel contem, acredito que seja um bom nome. As pessoas podem preferir usar a grafia em português, Betel, e podem gostar de saber que no Brasil, segundo o IBGE (Nomes no Brasil, Censo 2010), há apenas 73 pessoas com esse nome em todo o território brasileiro. Nasceram a maior parte na década de 80, e o estado com maior frequência é Minas Gerais.


Acho importante observar que destas 73 pessoas chamadas Betel no Brasil, 20 são homens. Não consegui encontrar referências de pessoas reais chamadas Bethel ou Betel, mas acredito que possa vir a ser um nome com potencial no Brasil – se as pessoas não ligarem para à associação com Testemunhas de Jeová, que pode não ser aceita por pessoas de outras religiões. 




.