segunda-feira, 1 de maio de 2017

Valíria

.

O mundo inteiro abriga uma incontável quantidade de fãs das Crônicas de Gelo e Fogo, de George R.R Martin, além de duas outras obras "O Cavaleiro dos Sete Reinos" e "O mundo de gelo e fogo", que conta a história de Westeros, uma terra medieval onde algo desequilibrou as estações, que duram anos e anos, e no lugar onde senhores nobres lutam pelo Trono de Ferro. A história tem sido adaptada para a televisão, na série Game of Thrones, exibida pela HBO. 

Uma das coisas que mais chama atenção nesse universo de George R.R Martin são os nomes: quem é apaixonado por onomástica não pode deixar de perceber o cuidado que ele tem ao escolher o nome de cada personagem, a maioria inclusive são inventados, mas parecem reais e até tem ares de nobreza como se realmente um dia tivessem existido. Não só o conjunto de nomes criado por Martin é fabuloso - quase um Guia de Nomes para Bebês - como também os topônimos: os nomes que ele deu aos lugares do seu mundo ficcional são fantásticos.

E um dos que mais salta aos meus olhos é Valíria (em inglês, Valyria), que foi o nome dado ao antigo continente de onde originaram-se os Targaryen, grande casa que governou Westeros depois de tê-lo conquistado com o uso de três dragões. 

Fica muito claro que George R.R. Martin inspirou-se no latim Valerius, apenas trocando algumas letrinhas. Este vem da palavra "valere", que signfiica "ser forte". Basicamente, os valirianos descobriram como domar os dragões, usar magia e dominaram todo um continente, mas um grande cataclisma, conhecido como "A perdição", destruiu todo o continente deixando apenas o "mar de fumaça" em seu lugar. George R.R Martin já declarou que inspirou-se na lenda de Atlântida para escrever sobre a Valíria

Esse nome é tão viável que, inclusive, há 296 pessoas chamadas Valíria no Brasil, com destaque absoluto para o sul, mais precisamente 82 em Santa Catarina e 109 no Rio Grande do Sul, segundo o IBGE (Nomes no Brasil). As nossas mulheres chamadas Valíria nasceram, em boa parte, na década de 60. Não encontrei nada sobre Valyria, a versão em inglês original dos livros. 

Muitos fãs da série já andam cogitando dar nomes dos personagens de GoT aos seus bebês, mas nem sempre os nomes são adequados à língua portuguesa. Acho Daenerys estupendo, e andam nascendo muitas no Reino Unido e Estados Unidos, porém, a pronúncia aqui é complicadinha e acabariam dizendo - aliás, como dizem os dubladores - "Danéris". Outro que vem ganhando adeptos é Arya, mas não vejo maiores problemas nesse. Então, Valíria para mim é super viável.

Assim, Valíria pode ser uma ótima opção para os fãs, especialmente aqueles leitores viciados que tem escancarada predileção pela Casa Targaryen. Além do mais, parece muito com Valéria, um nome bem tradicional e conhecido dos falantes da língua portuguesa. 


Saiba Mais:




Livros:

Crônicas de Gelo e Fogo – Submarino
O Mundo de Gelo e Fogo – Submarino

O cavaleiro dos sete reinos – Submarino



.