sábado, 23 de dezembro de 2017

Hipólita

.

Hipólita é a forma espanhola, portuguesa e polonesa de Hippolyte, nome usado por Shakespeare em sua comédia “Sonhos de uma Noite de Verão” (1595). Na mitologia grega Hippolyte era a filha de Ares, e a rainha das Amazonas. Ela foi morta por Hércules, a fim de obter seu cinturão mágico.

Esta é a forma feminina de Hippolytos, e assim sendo, significa “o mais livre dos cavalos”, combinando o termo grego 'ιππος  (hippos) e λυω (luo) "afrouxar". Algumas fontes dá o significado como “libertador dos cavalos” ou “aquele que liberta os cavalos”. Na mitologia grega, Hipólito foi o filho de Teseu, que foi tragicamente amado por sua madrasta Phaedra. Este também foi o nome de um teólogo, santo e mártir do século III.
O elemento Hippo (cavalo) é encontrado em vários outros nomes da onomástica grega, como Hiparco, Hipócrates, Philip, Xanthippe e Melanippus.

Hipólita é uma personagem da mitologia grega, rainha das amazonas, filha de Ares e da rainha Otrera e irmã de Pentesileia, Melanipe e Antíope. É conhecida por possuir um cinturão mágico, cuja obtenção foi o nono dos Doze Trabalhos de Hércules. É uma das mais famosas rainhas amazonas, tendo aparecido em obras de arte, na literatura e no cinema, uma mulher ousada.

Temos versões em outras línguas como Ippolita (italiano) e Hippolyta (grego antigo); Hippolyte é o 329º nome feminino mais usado na França segundo o ranking de 2015 exposto no Behind The Name. Não há notícias desse nome em listas recentes de nenhum país, nem mesmo o Brasil.

Hipólita é o nome de 188 pessoas no Brasil, um número extremamente pequeno, segundo o IBGE (Nomes no Brasil, Censo 2010), significando que pouquíssimas mulheres com esse nome nasceram com esse nome no que diz respeito ao período da pesquisa. A maior frequência é do estado de Goiás, e a década da maior parte dos nascimentos é 1940. Provavelmente, esse nome teve algum momento de popularidade, mas não está registrado em lugar algum, exceto nos registros de batismo da Igreja, que nunca foram pesquisados até o momento.

Algumas referências do nome na variante italiana:

Ippolita della Rovere, duquesa consorte de Montalto;
Ippolita Gonzaga, nobre italiana;
Ippolita I Ludovisi, princesa de Piombino;
Ippolita Maggi, nobre italiana;
Ippolita Sforza (1481-1520), nobre italiana;
Ippolita Sforza (1493-1501), nobre italiana;
Ippolita Maria Sforza, nobre italiana;

E do nome Hipólita:

Hipólita Jacinta Teixeira de Mello, foi a mais rica proprietária rural na região do Rio das Mortes, em Minas Gerais, no Brasil. Destacou-se por seu envolvimento na Inconfidência Mineira, em 1789.


Luísa Hipólita Grimaldi (Louise-Hippolyte de Monaco), Princesa de Mônaco, foi a filha mais velha de Antônio I, Príncipe de Mônaco e de Maria da Lorena e uma ancestral da atual família reinante de Mônaco.




.